Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Academia do Bacalhau de Paris organizou exibição de “Tous les Rêves du Monde”

ABP ABP ABP

Na quinta-feira, dia 9 de novembro, a Academia do Bacalhau de Paris realizou mais um dos seus eventos mensais. Desta vez, a escolha não recaiu sobre o tradicional jantar, mas sim sobre uma exibição do mais recente sucesso cinematográfico sobre a Comunidade portuguesa em França: o filme “Tous les Rêves du Monde”.

O filme segue a história de Pamela, uma jovem lusodescendente dividida entre a vontade de agradar à sua família e o desejo de seguir os seus sonhos. Passada entre França e Portugal, a obra de Laurence Ferreira Barbosa é mais um tributo aos Portugueses de França mas, como Fernando Lopes, Presidente da Academia do Bacalhau de Paris, salientou no evento “este não é um filme apenas para a nossa Comunidade. É uma janela para uma Comunidade, que é a nossa, mas é um filme para todos e, inclusivamente, está a ter muito sucesso junto da crítica cinematográfica”.

Antes da exibição do filme, no Le Lido, em Saint Maur-des-Fossés (94), realizou-se um cocktail que contou com a presença de duas das atrizes do filme: Pamela Constantino-Ramos e Lola Vieira que dão vida, respetivamente, a Pamela e Cláudia. As jovens atrizes conviveram com os “Compadres” e as “Comadres” presentes enquanto todos saboreavam um aperitivo composto exclusivamente por produtos portugueses.

Para a projeção do filme estiveram presentes cerca de 90 “Compadres” e “Comadres”, a quem se juntou algum público, deixando composta a sala do Le Lido, com mais de 130 pessoas.

Após os créditos finais, os presentes tiveram a oportunidade de colocar questões a Pamela Constantino-Ramos e Lola Vieira, assim como a António Torres Lima, que faz o papel de António no filme e que, entretanto, se juntara ao evento.

Debateu-se a mensagem do filme, os clichés representados e a dualidade da identidade dos lusodescendentes.

Durante o evento, fez-se ainda um minuto de silêncio pela memória de Rui Pericão, falecido a 3 de novembro, um dos quatro fundadores das Academias do Bacalhau, em 1968, na cidade sul-africana de Joanesburgo.

A Academia do Bacalhau de Paris entra agora na reta final dos eventos para este ano. De 18 a 24 de novembro será feita a recolha de roupa, calçado e brinquedos para a “Roupa Sem Fronteiras”, e a 10 de dezembro, pelas 13h00, será realizado o último evento de 2017, a Gala de Natal, também em Saint Maur-des-Fossés.

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
4.6