Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Cap Magellan e Império entregaram Bolsas de Estudo a alunos lusodescendentes

LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha LusoJornal / Mário Cantarinha

No passado fim de semana o Consulado de Portugal em Paris acolheu a cerimónia de entrega de 12 bolsas de estudo 2017 Cap Magellan-Império aos jovens estudantes que mais se destacaram.

O Cônsul Geral António de Albuquerque Moniz referiu no final do evento que a sala estava excecionalmente cheia. «Mesmo se este evento tem atraído muita gente, noto que este ano há mais pessoas presentes. Trata-se de um gesto generoso, que deve ser assinalado, 1.600 euros ainda é um montante bastante significativo, abrange um número elevado de jovens, e é de certeza de uma grande ajuda para eles, numa altura em que estão a ingressar nos estudos superiores», declarou ao LusoJornal.

João Romão, Diretor Comercial da Império Assurances, começou por declarar o seu orgulho e satisfação de estar ali presente. «Tenho orgulho em vocês, foram muito bons no vosso percurso escolar, passaram por uma seleção muito rigorosa e felicito-vos por isso. Também os pais devem sentir muito orgulho pelos filhos e têm todos os motivos para isso».

No que diz respeito à Império, João Romão apontou ainda que este evento ao longo dos anos é o que mais impacto tem nos colaboradores. «Porque estamos a falar de mérito, de pessoas que se esforçaram e dos filhos que retribuíram, e para nós poder participar nesta atribuição de prémios é importante». Referiu ainda que quem melhor do que «estes bons alunos para divulgar a língua portuguesa?». A companhia Império conta já com 46 anos, instalou-se em França para apoiar os Portugueses e tal como João Romão definiu, foi evoluindo como as novas gerações.

Adelaide Cristóvão, Coordenadora do Ensino junto da Embaixada de Portugal, integrou o júri juntamente com a Inspetora geral do ensino francês, responsável pelo ensino português, Dominique Vallières, portanto quer a parte francesa do ensino quer a parte portuguesa estiveram representadas neste júri.

Adelaide Cristóvão felicitou também a iniciativa da Cap Magellan e da Império. «A escolha foi difícil, porque havia mais de 60 candidatos, e todos eram muito bons e havia que conjugar por um lado excelentes alunos e jovens para quem esta bolsa pudesse ser importante». Sensibilizada com o percurso dos jovens candidatos, reconheceu também um futuro prometedor por trás do qual estão famílias, «capazes de os pôr nessa via. Mesmo que não façam os seus estudos na área do Português têm todos em comum o seu gosto, o seu culto e o seu saber sobre a língua portuguesa», salientou.

A Coordenadora acrescentou com convicção, que o português se tratava de uma língua de futuro e que é um mundo enorme que se abre para quem tenha competências em língua portuguesa».

Finalmente Luciana Gouveia, Delegada Geral da Cap Magellan, admitiu que não é fácil escolher os candidatos vencedores. «Recebemos muitas candidaturas e todos os dossiers são bons. É um trabalho rigoroso. Eu própria fui estudante e sei que o apoio dos meus pais durante o meu percurso foi essencial e retribuir de alguma forma, traz também um certo conforto na alma de cada um de nós», concluiu.

No final, Tatane, jovem humorista assim como o colega youtuber, Bruno Pereira, estiveram presentes para apresentar o seu projeto, antes de um cocktail de convívio.

 

Premiados deste ano:

David Almeida Silva (Saint Germain-en-Laye, 78)

Noemi Camasses-Fujii (Saint Germain-en-Laye, 78)

Clara Coelho (Grenoble, 38)

Elisa dos Santos (Levallois-Perret, 92)

Eva Elias (Amiens, 80)

Cynthia Furtado (Paris, 75)

Aurélien Lemaitre (Rennes, 35)

Diana Moreira Neiva (Strasbourg, 67)

Denis Pascoal (La Ferté-sous-Jouarre, 77

André Pinto Nunes (Meaux, 77)

Rodrigo Ribeiro (Paris, 75)

Adriana Salvador Morais (Perpignan, 66)

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 6 Votos
7.6