Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O tenista português João Sousa, que na terça-feira tinha sido eliminado em singulares, terminou ontem em definitivo a sua participação no Torneio de Marseille, em piso duro, ao ‘cair’ na variante de pares.

João Sousa e o alemão Maximilian Marterer falharam o acesso aos ‘quartos’, ao perderam com o neo-zelandês Marcus Daniell e o britânico Dominic Inglot, em dois ‘sets’, pelos parciais de 7-6 (13-11) e 7-6 (7-2), em uma hora e 40 minutos.

Na terça-feira, o jogador luso, 71º do ‘ranking’ mundial, tinha sido afastado na primeira ronda de singulares, ao ser derrotado pelo sérvio Filip Krajinovic, 36º.

O vimaranense, que na semana passada já havia caído ao primeiro embate em Roterdão (Holanda), tombou face ao oitavo cabeça de série em três ‘sets’, pelos parciais de 3-6, 6-4 e 6-4.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.8