Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Sardinhada na APCF de Frontignan

LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio

A Associação Portuguesa Cultural de Frontignan organizou no domingo passado, dia 8 de julho, a sua habitual Sardinhada. O evento já acontece há vários anos e a APCF oferece aos sócios com as cotas em dia, uma enorme sardinhada na praia.

Como habitualmente, havia muita gente, à procura das sardinhas assadas, acompanhadas com batatas, salada e sobremesa.

Foi necessário assar mais de 180 quilos de sardinhas, debaixo de um calor abrasador, e coser 250 kg de batata, sem contar com o tempo necessário para a preparação do evento que mobilizou muitos voluntários. Chegaram cedo no domingo de manhã para preparar a Sardinhada.

Os participantes também começaram a chegar cedo, para aproveitar o mar e dar uns mergulhos antes do almoço.

A Presidente da APCF, Isabel Fiúza estava visivelmente feliz, sobretudo por constatar que esta iniciativa junta cada vez mais pessoas, antes das férias de verão.

LusoJornal / Tony Inácio
Votação do Leitor 2 Votos
5.3