Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A Câmara de Viana do Castelo lamentou a morte, aos 92 anos, do fotógrafo Gérald Bloncourt, galardoado pela autarquia em 2017 com o título de Cidadão do Honra da capital do Alto Minho.

O fotógrafo morreu na semana passada e o funeral teve lugar esta segunda-feira no cemitério Père Lachaise, em Paris.

Em comunicado, a Câmara de Viana do Castelo destacou que, “em 2016, a biblioteca de Viana do Castelo expôs os trabalhos do artista, na exposição “Emigração Portuguesa para França na década de 60”, tendo-lhe atribuído o título de Cidadão de Honra a 20 de janeiro de 2017.

O fotojornalista retratou os “bidonville” portugueses, mas também fez imagens da viagem clandestina – “a salto” – para França, assim como imagens de Portugal sob a ditadura e no período que se seguiu ao 25 de Abril de 1974.

Gérald Bloncourt foi condecorado com a ordem de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique, pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, durante as comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, que decorreram entre 10 e 12 de junho de 2016.

 

Credito agricola

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.9