Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Desporto

 

O Créteil/Lusitanos desloca-se este sábado, dia 5 de novembro, aos Vosges para defrontar o SA Epinal, num jogo a contar para o campeonato National 2 de futebol francês, grupo B.

No sábado passado o Créteil/Lusitanos viu o jogo que tinha frente ao Sainte Geneviève adiado e por isso, foi importante o trabalho da equipa técnica esta semana para preparar os jogadores para um jogo importante.

“Foi uma semana clássica de preparação. Tínhamos por objetivo desenvolver a nossa animação ofensiva” explicou em conferência de imprensa o treinador Stéphane Masala. “Analisámos o que não tinha funcionado bem nos últimos jogos e estivemos a preparar o jogo com o Epinal”.

O Créteil/Lusitanos está atualmente na terceira posição da tabela classificativa, mas tem 8 jogos, enquanto a maior parte das equipas têm apenas 7 jogos disputados. O Campeonato está a ser liderado pelo Fleury com 15 pontos, seguindo-se o FC Metz com 14 pontos e o Créteil/Lusitanos com 13 pontos. Em 5° lugar, com apenas 11 pontos, mas com um jogo a menos, está o Epinal.

Stéphane Masala considera que se trata de um adversário forte, “que guardou o mesmo grupo da época passada, que tem ambições para subir a nível nacional, que está estruturado e organizado. É um grande desafio para nós e para as equipas que lhe queiram recuperar os 3 pontos”.

Tanto mais que o Epinal joga em casa e Stéphane Masala reconhece que “é sempre difícil de jogar em Epinal. Nos Vosges há uma mentalidade forte para os jogos em casa”.

No entanto, é também um jogo aberto porque as duas equipas querem ganhar.

Stéphane Masala tem dois jogadores suspensos, os defesas Moïse Mahop e Enzo Valentim, mas considera que “o grupo é bastante importante para fazer face a estas suspensões”.

Na conferência de imprensa, o treinador ‘cristolien’ deixou também uma nota de contentamento pela recuperação do médio Fábio Pereira. “Estou contente porque vai reintegrar o grupo de reserva. É um elemento antigo, que desde o início da época fazia falta na equipa e estou contente que ele regresse e que possa ter tempo de jogo na equipa de reserva” disse Stéphane Masala.

 

Donativos LusoJornal

 

X