Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

1763: É ordenada a demolição de todas as barracas destinadas a habitação e serviços, construídas em Lisboa depois do Terramoto de 1755.

1789: É inaugurada a Basílica da Estrela, em Lisboa.

1817: Nasce Hippolyte Mege Mouries, criador da margarina, gordura vegetal patenteada em França, em 1869.

1836: Nasce Ramalho Ortigão, escritor e jornalista português, um dos principais nomes da geração de 70, autor de “As Farpas” e de “O Mistério da Estrada de Sintra”, com Eça de Queiroz.

1944: Morre o pioneiro da indústria automobilística Louis Renault. Tinha 67 anos.

1957: Morre, aos 52 anos, o estilista francês Christian Dior.

1972: António de Spínola, governador da Guiné, escreve ao chefe do Governo português Marcello Caetano, pedindo autorização para se encontrar com o líder do PAIGC, Amílcar Cabral. A autorização é negada.

1985: Morre o inventor da esferográfica, o húngaro Ladislao Biro. Tinha 86 anos.

2003: Realiza-se o último voo do Concorde, entre Nova Iorque e Londres.

2004: Morre, aos 83 anos, Roger Vilard, escritor francês, autor de “Un Condamné a Mort s’Est Evade”, Grande Prémio da Academia Francesa das Letras.

 

Este é o ducentésimo nonagésimo sétimo dia do ano. Faltam 69 dias para o termo de 2021.

Pensamento do dia: “Nós os Povos das Nações Unidas, decididos a preservar as gerações vindouras do flagelo da guerra…a reafirmar a fé nos direitos fundamentais do homem… resolvemos conjugar os nossos esforços para a consecução desses objetivos”. Carta das Nações Unidas, em vigor desde 24 de outubro de 1945.

 

X