Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

1501: Data provável para o regresso da armada de Pedro Álvares Cabral a Lisboa, depois da descoberta do Brasil e da viagem à Índia, onde assinou o primeiro acordo comercial com o potentado de Calecute.

1750: Morre D. João V, fundador da Academia Real de História, da escola cirúrgica do Hospital Real de Todos os Santos e do Seminário da Patriarcal.

1814: O Papa Pio VII restitui, “no mesmo estado antigo”, o património da Companhia de Jesus.

1886: Morre o compositor e pianista húngaro Franz Liszt.

1944: II Guerra Mundial. Antoine de Saint-Exupéry, 43 anos, escritor e aviador francês, autor de “O Principezinho”, desaparece num voo de reconhecimento.

1954: É inaugurada a Barragem do Cabril.

1959: Constituição da organização separatista basca ETA (Euskadi Ta Askatasuna – Pátria Basca e Liberdade) por estudantes dissidentes dos grupos nacionalistas EKIN-EGI.

1963: O Conselho de Segurança da ONU aprova a resolução que condena a política colonialista da Ditadura de Oliveira Salazar.

1995: A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa lança a lotaria instantânea (raspadinha).

2001: Morre, com 87 anos, o marechal Francisco da Costa Gomes, Chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas (1973-74), membro da antiga Junta de Salvação Nacional, Presidente da República Portuguesa (1974-76).

2003: Deixa de ser produzido o modelo “carocha” da Volkswagen.

2017: Morre, aos 89 anos, Jeanne Moreau, atriz ícone do cinema francês, na sua residência, em Paris.

 

Este é o ducentésimo décimo segundo dia do ano. Faltam 154 dias para o termo de 2021.

Pensamento do dia: “É dever do homem justo fazer guerra a todo o privilégio não merecido, na certeza de que se trata de uma guerra sem fim”. Primo Levi (1919-87), escritor e cientista italiano.

 

Comunidade
X