Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Desporto

 

De 15 de setembro a 02 de março, o FC Porto vai participar pela quarta época consecutiva na fase principal da Liga dos Campeões, na qual vão defrontar o Paris Saint-Germain (França), Magdeburgo (Alemanha), GOG (Dinamarca), Veszprém (Hungria), Dínamo de Bucareste (Roménia), Wisla Plock (Polónia) e Zagreb (Croácia), no Grupo A.

“Pelo menos, fazer igual ao ano passado, mas espero que este ano consigamos dar mais um passo e chegar mais longe na ‘Champions’. A responsabilidade está do nosso lado, mas acho que esta equipa é muito experiente e capaz de saber lidar com essa pressão boa”, agregou Fábio Magalhães, em declarações ao sítio oficial do FC Porto na Internet.

O tricampeão nacional de andebol começou esta semana os trabalhos de preparação da temporada 2022/23, tendo contado com cinco reforços nos habituais exames médicos e avaliações clínicas, realizados no Dragão Arena, no Porto.

Além do guarda-redes Francisco Fontes (ex-Sanjoanense), marcaram presença quatro novidades provenientes do estrangeiro, casos do pivô espanhol Ignazio Plaza (ex-AEK Atenas, Grécia), bem como dos dinamarqueses Jakob Mikkelsen (ex-Istres Provence, França) e Nikolaj Læsø (ex-Aalborg) e do sueco Jack Thurin (ex-Skovde), todos laterais.

André Sousa, central regressado de empréstimo ao Águas Santas, também compareceu ao primeiro dia de pré-época do conjunto treinado pelo sueco Magnus Andersson, que mantém 13 atletas face a 2021/22, entre os quais o lateral português Fábio Magalhães.

Ainda sem calendário definido no campeonato e na Taça de Portugal, o FC Porto vai arrancar 2022/23 com um ‘clássico’ frente ao Benfica nas meias-finais da Supertaça, que se voltará a disputar num sistema de ‘final four’, entre 10 e 11 de setembro, em Serpa.

A formação de Magnus Andersson sagrou-se tricampeã nacional e revalidou a Supertaça em 2021/22, mas perdeu a final da Taça de Portugal com o Sporting e ‘caiu’ pela terceira época seguida nos ‘oitavos’ da Liga dos Campeões, diante dos franceses do Montpellier.

 

Donativos LusoJornal
X