Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

Um casal de Portugueses residentes na Suíça e naturais de Tabuaço – Cristina Caseiro (44 anos) e Jorge Alves (48 anos) – e o filho – Rodrigo Alves (20 anos) – morreram ontem de manhã quando a sua viatura colidiu com um veículo pesado que circulava em contramão na autoestrada A9 do sul de França.

O casal deixa órfãos mais dois filhos, um rapaz, Leonardo, e uma rapariga, Lúcia.

O acidente ocorreu durante a noite, às 02h30, na autoestrada entre Montpellier e Orange, entre as saídas Nîmes-Ouest e Nîmes-Est. “O impacto frontal foi tão violento que as três pessoas morreram de imediato”, disse o comandante do corpo de bombeiros de Gard, adiantando que o motorista do camião ficou ferido. As autoridades vão agora investigar os contornos do acidente.

Cristina era cabeleireira e tinha um salão, o “Flor da Moda”, em Bülach, na Suíça. Jorge trabalhou como empreiteiro em Portugal antes de ir para a Suíça, com a mulher. O filho Rodrigo era amante de carros e motas, fez o Ensino Básico em Tabuaço e, na Suíça, descobriu uma paixão pela cozinha e queria ser chef.

A viatura pesada vinha da Polónia, parou na área de serviço de Marguerittes, e entrou em contramão 9 quilómetros, de acordo com os bombeiros, e era conduzida por um homem de 62 anos que sofreu ferimentos ligeiros. O condutor do pesado não estava alcoolizado, mas, por apresentar sinais de febre, foi submetido a um teste de despistagem à Covid-19.

 

Comunidade
X