Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Neste momento parece ser habitual o Paris Saint Germain ser travado na oficialização do título de Campeão de França. Pela terceira vez consecutiva, após o empate a duas bolas frente ao Strasbourg e a derrota frente ao Lille por 5-1, o PSG não se sagrou ‘ainda’ Campeão da Ligue 1. Desta vez foi o Nantes, que conta com o internacional português Edgar Ié, que derrotou os Parisienses por 3-2.

Num jogo em atraso da 28ª jornada o Paris Saint Germain tinha uma nova oportunidade, a terceira, de vencer o título francês pela segunda vez consecutiva. O encontro até começou da melhor maneira visto que aos 19 minutos, o defesa brasileiro Daniel Alves abriu o marcador para os Parisienses. A vencer por 0-1 o PSG não resistiu ao Nantes.

Ainda na primeira parte os Canários marcaram dois tentos: o primeiro pelo defesa brasileiro Diego Carlos aos 22 minutos e o segundo pelo Ganês Majeed Waris aos 44 minutos, este último foi emprestado pelo FC Porto ao Nantes.

O PSG, sem os avançados Neymar, Cavani e Mbappé, sem os médios Verratti e Di María, e sem os defesas Thiago Silva, Marquinhos, Meunier e Bernat, pouco ou nada conseguiu fazer.

O Nantes marcou um terceiro golo apontado por Daniel Alves na própria baliza aos 52 minutos. O triunfo já não escaparia ao Nantes apesar do jovem avançado turco Metehan Guclu ter reduzido o marcador para o PSG.

Os Canários, com o defesa português Edgar Ié emprestado pelo Lille, venceram por 3-2 e subiram ao 14° lugar com 37 pontos, enquanto o Paris Saint Germain continua na frente com 81, mais 17 do que o Lille, quando ainda faltam distribuir… 18 pontos (!). Os Parisienses ainda vão ter de esperar pelo menos até domingo para garantir o título nacional, jogando frente ao Monaco de Leonardo Jardim no domingo 21 de abril pelas 21h00.

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
9.7
X