Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Comunidade

 

O Governo designou o Embaixador Luís de Almeida Ferraz, antigo Cônsul-Geral de Portugal em Paris, para exercer o cargo de Diretor-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

“É designado, em regime de comissão de serviço, para exercer o cargo de Diretor-geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, do Ministério dos Negócios Estrangeiros, o Ministro plenipotenciário de 1ª classe Luís Manuel Fernandes de Menezes de Almeida Ferraz, pessoal diplomático do Ministério dos Negócios Estrangeiros, cujo currículo académico e profissional, evidencia perfil adequado e demonstrativo da aptidão e da experiência profissional necessárias para o desempenho do cargo em que é investido” diz o Despacho publicado na quinta-feira passada no Diário da República, assinado pelo Primeiro-Ministro, António Costa e pelo Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

A Secretária de Estado Berta Nunes disse ao LusoJornal que Luís Ferraz assumirá as novas funções no dia 10 de dezembro.

Luís Ferraz tem 60 anos, é licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa e entrou na carreira diplomática em 1988.

Já foi Diretor de Serviços do Centro Emissor para a Rede Consular, da DGACCP, de 2004 a 2006 e foi Subdiretor-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, de fevereiro de 2008 a fevereiro de 2009, altura em que assumiu as funções de Cônsul-Geral de Portugal em Paris até maio de 2012.

Antes disso tinha estado na Representação Permanente de Portugal junto da União Europeia, em Bruxelas, foi adjunto no Gabinete do Comissário para o Apoio à Transição em Timor Leste, foi Chefe de Divisão na Direção de Serviços das Organizações Políticas Internacionais, da Direção-Geral dos Assuntos Multilaterais, e foi Assessor do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas António Braga.

Depois de Paris foi Embaixador em Sófia, e estava atualmente em posto em Riade. Vai agora substituir o Embaixador Júlio Vilela, transferido para Genebra.

A Direção-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas (DGACCP) tem por missão “assegurar a efetividade e a continuidade da ação do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) nos domínios da atividade consular desenvolvida nos serviços periféricos externos e da realização da proteção consular, bem como na coordenação e execução da política de apoio à emigração e às comunidades portuguesas no estrangeiro”.

É esta estrutura que deve “garantir a prestação de apoio consular aos cidadãos portugueses no estrangeiro” mas também “orientar e supervisionar a atividade dos postos consulares”.

“Executar as políticas dirigidas às Comunidades portuguesas no estrangeiro e, em função das experiências recolhidas, contribuir para a sua melhor definição” é outra das missões da DGACCP.

 

Donativos LusoJornal

 

X