Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Luso-eleitos: Associação Cívica cria nova delegação na Occitanie

Donativos LusoJornal

 

A Cívica – associação de autarcas de origem portuguesa em França – criou na quarta-feira passada, oficialmente, uma delegação em Toulouse, na região Occitanie.

A delegação da Cívica Occitanie foi criada na sequência da estratégia de descentralização da associação e junta-se às delegações da região Île-de-France (com sede em Paris), do Grand Est, do Centre-Val de Loire, da Nouvelle Aquitaine, da Auvergne-Rhône-Alpes, da Guadeloupe e, brevemente, da Normandie.

“Cerca de 1.300 [ndr: exatamente 1.291] dos mais de 7.200 autarcas de origem portuguesa em França foram eleitos e exercem as suas funções na região Occitanie. Em vários departamentos da região, a Comunidade está bem organizada localmente e ao abrirmos esta delegação regional, contamos aumentar a visibilidade das iniciativas dos nossos autarcas e permitir, através de um conjunto alargado de serviços, facilitar a ações a desenvolver para o mandato autárquico de 2020-2026” explica o Presidente da Cívica, Paulo Marques. “Finalmente, queremos estar onde estão os autarcas de origem portuguesa” acrescenta o também autarca de Aulnay-sous-Bois.

Paulo Marques deslocou-se a Toulouse e encontrou-se com os autarcas Jean Dinis, Virginie dos Santos, Jacinto Militar, Guillaume Moreno, Manuel da Silva, “respeitando as regras sanitárias em vigor” disse ao LusoJornal.

Em Toulouse, Paulo Marques promoveu um encontro com o Vice-Presidente de Toulouse Métropole, Jean-Claude Dardelet, acompanhado pelo Presidente da Associação de Empresários Portugueses da Haute-Garonne, António Capela e o Presidente de Business Development Group France Portugal, Victor Oliveira.

Na autarquia de Tournefeuille foi realizado um encontro com autarcas de origem portuguesa, com a participação do Maire daquela localidade, Dominique Fouchier.

“Com perto de 20% do número de autarcas de origem portuguesa nesta região Occitanie, estes líderes territoriais vão permitir a ampliação das atividades da associação Cívica e as ações vão inicializar-se já no próximo mês de março” disse ao LusoJornal Paulo Marques.

Em várias autarquias estão a ser distribuídos os livros editados pela Cívica e várias ações em torno da Presidência portuguesa do Conselho da União Europeia.

De Toulouse a Perpignan, o Presidente da associação Cívica percorreu a região com um conjunto de encontros e a distribuição de 5.000 livros “Manuel, a criança que tinha grandes mãos” para as escolas primárias, “um suporte para trabalhos de educação cidadã sobre a aceitação das diferenças”.

A Cívica continua a “estreitar laços com os autarcas franceses de origem portuguesa e permitir uma maior circulação da informação, contactos e formação”.

A região da Occitanie tem 5,8 milhões de habitantes em 13 departamentos. Se a densidade da população da região está abaixo da média francesa, o número de autarcas eleitos na região é consideravelmente elevado. “As perspetivas da programação de ações neste território do sul da França será um desafio permanente neste período de pandemia e de crise sanitária onde os encontros são restritos” explica Paulo Marques. “Se nada substituir os encontros físicos, será necessário utilizar as novas tecnologias de comunicação para que os autarcas da Occitanie possam usufruir das iniciativas da associação Cívica.

 

Os 1.291 autarcas franceses de origem portuguesa na região Occitanie:

Ariège: 140 luso-eleitos

Aude: 119 luso-eleitos

Aveyron: 68 luso-eleitos

Gard: 82 luso-eleitos

Haute-Garonne: 196 luso-eleitos

Gers: 79 luso-eleitos

Hérault: 145 luso-eleitos

Lot: 91 luso-eleitos

Lozère: 21 luso-eleitos

Hautes-Pyrénées: 101 luso-eleitos

Pyrénées-Orientales: 102 luso-eleitos

Tarn: 95 luso-eleitos

Tarn-et-Garonne: 53 luso-eleitos

 

Comunidade
X