Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Este sábado, dia 9 de junho, às 15h00, vai ser colocada a primeira pedra da futura Casa de Portugal em Champigny-sur-Marne (94). O evento vai ter lugar no 19 rue du Monument, na presença do Embaixador de Portugal em França, Jorge Torres Pereira, do Cônsul Geral de Portugal em Paris, António de Albuquerque Moniz, e do Maire de Champigny, Christian Fautré.

O edifício já existe, era a antiga casa do guarda da atual Casa das Associações de Champigny. Na altura em que o edifício foi renovado, a casa do guarda não sofreu obras de restauração por aí residirem ainda os antigos guardas da propriedade. Este ano, a Mairie de Champigny decidiu atribuir a casa à Associação portuguesa socio-cultural e recreativa (APSCR) da cidade.

No entanto, as obras de renovação ficam por conta da associação.

A primeira pedra que agora vai ser colocada, corresponde pois à nova configuração do edifício, que vai ser ampliado e materializa na prática a cedência do espaço pela autarquia.

António Lopes, o Presidente da associação, já lançou um apelo aos empresários da região, para contribuírem para a obra com material e com operários. Este evento que vai ter lugar no próximo sábado serve também para voltar a lançar o apelo à ajuda para as obras de renovação do espaço.

Os dirigentes da associação anunciam danças folclóricas durante a tarde, e um «buffet convivial».

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 4 Votos
4.9
X