Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

No último sábado, pelas 21h00, o Clermont recebeu o Bourg-de-Peage. Uma primeira parte pautada por inúmeras falhas técnicas tirou beleza ao espetáculo, mas a segunda parte trouxe qualidade e emoção.

O jogo começou equilibrado, e foi o Bourg-de-Peage a abrir o marcador com um 7 metros convertido por Marjorie Demunck ainda no primeiro minuto. O HBCAM respondeu rápido com dois golos (2-1) de Alphonsine N’Goulou que colocou a primeira vantagem do jogo para as ‘rosas’. O jogo prosseguiu com muitas falhas técnicas de parte a parte – devido à proibição de utilização de resina naquele pavilhão -, tirando algum espetáculo ao jogo.

O Clermont perdeu muitas bolas que resultaram em respostas rápidas das visitantes. No entanto, o Bourg-de-Peage também registou muitas falhas técnicas em situações claras de golo. Aos 24 minutos, o HBCAM conseguiu descolar-se do marcador e conseguiu uma vantagem de 4 golos (11-7) que não iria durar muito tempo. Ao intervalo, as equipas saíram empatadas a 11, resultado de uma defesa sólida e de uma boa exibição de ambas as guarda-redes.

No recomeço, o Clermont entrou mais forte e conseguiu logo duas exclusões para a equipa adversária. Esse seria o momento mais crucial da partida e que ditou o encontro. A jogar com menos um por quatro minutos consecutivos, o Bourg-de-Peage ‘ofereceu’ três bolas às ‘rosas’, convertidas em conta-ataques, que desta vez, não foram desperdiçados por Waffya Djabour. Aos 10 minutos da primeira parte, registavam-se 18-13 favorável à equipa da casa, que conseguiu controlar e impor o seu ritmo de jogo.

Já nos últimos 10 minutos do final da partida, o HBCAM vencia já por 10 bolas (29-19) e o público podia respirar de alívio: a vitória dali já não fugia. O resultado final fixou-se em 31-25, com destaque para Enora Blezes, a melhor marcadora do encontro, que em 12 remates, concretizou 10 golos.

No fecho da primeira volta do National 1, o Clermont somou mais uma vitória importante e segue no segundo lugar da tabela classificativa (27 pts), com menos dois pontos que o Toulouse (29 pts).

Estatísticas do jogo: Jéssica Ferreira (10 defesas), Enora Blezes (10 golos), Julie Soubies (5 golos), Cristiana Morgado (4 golos), Waffya Djabour e Beatriz Sousa (3 golos), Alphonsine N’Goulou, Maeva de Almeida e Sheryl Tre (2 golos), Clea Delaume e Lucie Modenel.

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
8.4
X