Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Os Banda Black Rio estarão em concerto no New Morning em Paris, na quarta-feira, dia 20 de fevereiro, às 21h00.

O grupo foi fundado em 1970 e é formado principalmente por grandes músicos originários do Rio de Janeiro, mais precisamente do norte da cidade. Os Banda Black Rio criaram imediatamente um conceito único e original que combina o samba do Rio e o funk dos EUA.

O primeiro disco “Maria Fumaça” de 1977 e o seguinte “Gafieira Universal” de 1978, são hoje marcos importantes da música brasileira contemporânea. O terceiro álbum, “Saci Pererê”, foi lançado em 1978 e reeditado em 1980. Desde então, os Banda Black Rio tornaram-se num grupo de referência para artistas internacionais como Jamiroquai, MosDef ou o grupo Incognito que gravaram e fizeram versões dos seus títulos musicais.

A partir dos anos 2000 o grupo foi remodelado sendo dirigido pelo pianista William Magalhães (filho de Oberdan Magalhães, um dos fundadores). O grupo viveu então uma forma de renascimento com o lançamento do CD “Movimento”, seguido em 2002 por “Rebirth” através da editora discográfica britânica Mr. Bongo. Em 2011 realizaram o álbum “Super Nova Samba Funk”, produzido na Europa pela editora inglesa FarOut Recordings.

Hoje, a banda é formada por Jadiel Oliveira (voz), Isaac Negrene (guitarra), Edson Menezes (baixo), Bruno Silveira (bateria), Doug Bone(trombone), Gustavo Souza (saxofone), Gesiel Nascimento (trompete), Dudu Ramos (percussão) e William Magalhães (teclados e voz) e consolidaram a sua influência na música contemporânea no brasil e no estrangeiro.

Atualmente, William Magalhães está a preparar um novo álbum, “O Som das Américas”, com participações de grandes nomes da música brasileira tais como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Elza Soares, Seu Jorge, Cezar Camargo Mariano, Chico Cesar ou ainda a cantora Hayde Vogel.

O novo álbum continua na linha musical do grupo, unindo música negra através de ritmos diferentes, desta vez adicionando o jazz, funk e o samba a referências mais atuais como o hip-hop e o rap, reunindo estilos e artistas desses gêneros e de várias gerações.

O New Morning é uma das salas de Jazz de maior renome internacional. Inaugurada a 16 de abril de 1981, já viu passar pelo seu palco nomes como Dizzi Gillespie, Art Blakey, Miles Davis, Chet Baker, Gil Scott Heron ou Prince.

Entrada: 24,80 euros.

 

New Morning

7 & 9 rue des Petites Ecuries

75010 Paris

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
8.9
X