Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

O filme mudo “Amor de Perdição”, de Georges Pallu, de 1921, será exibido a 13 de novembro na Cinemateca Portuguesa, em Lisboa, numa nova cópia digital e com interpretação de música ao vivo.

Na programação de novembro, a Cinemateca explica que a sessão pretende assinalar os cem anos da estreia do filme, a 09 de novembro de 1921 no Cinema Olímpia, no Porto.

Na sessão será interpretada a partitura original da música do filme, de Armando Leça, por Nicholas McNai e solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa.

A apresentação do “Amor de Perdição” faz parte de um projeto da Cinemateca de “reconstituição, interpretação ao vivo e gravação” das três partituras originais compostas por Armando Leça para filmes da Invicta Film, todos realizados pelo francês Georges Pallu. São eles “A Rosa do Adro” (1919), “Os Fidalgos da Casa Mourisca” (1920) e “Amor de Perdição” (1921).

 

Cultura
X