Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

1148: D. Afonso Henriques conquista a vila de Óbidos aos mouros.

1580: Realizam-se as Cortes de Almeirim que reconhecem o direito de Filipe II de Espanha ao trono português, com o título de Filipe I.

1890: A Inglaterra apresenta o ultimato a Portugal sobre os direitos territoriais do Mapa Cor-de-rosa, área entre Angola e Moçambique.

1896: Morre o poeta João de Deus, autor de “Campo de Flores” e criador do método de leitura “Cartilha Maternal”. Tinha 65 anos.

1919: Rosa Luxemburgo e Karl Lisbknecht, fundadores do Partido Comunista Alemão, são executados.

1935: Sessão de abertura da primeira Assembleia Nacional da ditadura do Estado Novo.

1948: Nasce o poeta Al Berto, Alberto Raposo Pidwell Tavares, autor de “Vida das Imagens” e “Horto de Incêndio”.

1964: A administração norte-americana publica o primeiro documento em que admite os malefícios do tabaco.

1966: Morre, aos 64 anos, o artista plástico suíço Alberto Giacometti.

2005: O ex-presidente do Benfica João Vale e Azevedo é condenado a seis anos de prisão, em cúmulo jurídico, no âmbito do caso EuroÁrea.

2016: Morre, aos 69 anos, David Bowie, cantor britânico.

 

Este é o décimo primeiro dia do ano. Faltam 354 dias para o termo de 2022.

Pensamento do dia: “As grandes conquistas estão na nossa própria solidão”. Agustina Bessa-Luís (1922), escritora portuguesa.

X