Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Dia da Língua Portuguesa e da Cultura da CPLP vai ser assinalado com iniciativas em 56 países, com destaque para a UNESCO em Paris, Cuba, China e Rússia, segundo o programa apresentado.

O programa do Dia da Língua e Cultura da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), que decorre desde meados de abril e se prolonga até finais de maio, foi apresentado, em Lisboa, pelo presidente do Camões-Instituto da Cooperação e da Língua, Luís Faro Ramos.

O presidente do instituto Camões explicou que as iniciativas são “muito diversas”, mas terão “enfoque nas áreas do cinema e da literatura”, e destacou as celebrações previstas para a sede da UNESCO, em Paris, e para Cuba, China e Rússia, países com os quais Portugal celebra este ano aniversários de relações diplomáticas.

Na sede da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em Paris, o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura na CPLP está marcado para 22 de maio com declamação de textos dos escritores Sophia de Mello Breyner e Germano Almeida, um espetáculo musical com Sterreossauro, Dino Santiago e Chullage e uma mesa-redonda com os humoristas Ricardo Araújo Pereira e Fary Lopes.

Luís Faro Ramos apontou “o envolvimento cada vez maior” dos restantes países da CPLP nas comemorações deste dia, que se celebra há 10 anos.

“Portugal não é o proprietário da língua portuguesa. A língua portuguesa é falada por mais de 270 milhões de pessoas em todos os continentes e há um envolvimento progressivo dos outros países da CPLP”, disse.

 

Ro et Cut B1
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 8 Votos
6.2
X