Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Comunidade

 

A nova Embaixadora de França em Portugal, Hélène Farnaud-Defromont, apresentou ontem cartas credenciais ao Presidente da República portuguesa.

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu, em cerimónia no Palácio de Belém, em Lisboa as cartas credenciais de três novos Embaixadores em Portugal: para além da Embaixadora francesa, a Embaixadora do Luxemburgo, Martine Schommer, e o Embaixador do Kuwait, Hamad Ali Alhazeem.

Hélène Farnaud-Defromont foi nomeada Embaixadora de França junto da República Portuguesa em substituição da Embaixadora Florence Mangin que já saiu de Lisboa antes das férias de verão, rumo ao Vaticano.

Com 52 anos de idade, a nova Embaixadora de França em Portugal teve a sua última missão na Bélgica, onde chefiou a Embaixada francesa entre 2019 e novembro de 2021. Ocupou, entre fevereiro de 2016 e julho de 2019 a importante função de Diretora Geral da Administração e Modernização no Quai d’Orsay.

Natural de Lille, onde se licenciou em história, Hélène Farnaud-Defromont entrou para a carreira diplomática em 1994 como redatora na Direção dos assuntos estratégicos e do desarmamento. Também foi Diretora da importante Agência para o ensino francês no estrangeiro (AEFE), que gere cerca de 500 escolas espalhadas pelo mundo, com uma equipa de mais de 6.500 profissionais, entre professores e administrativos.

Entre outras funções, foi também Conselheira para questões internacionais do Primeiro Ministro Jean-Marc Ayrault.

 

Donativos LusoJornal
X