Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Faleceu em Paris, onde residia, Elísio Lopes.

Elísio Lopes era militante ativo do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) e foi fundador do Setor da França. Aliás, o partido endereçou as “mais profundas condolências” à família.

“O camarada Elísio se disponibilizou para servir o Partido, desempenhando funções de grandes responsabilidades ao longo da sua longa Carreira de Militância, e que, como tal, deve ser reconhecido e relembrado” diz a nota do PAICV assinada pelo Secretário Geral do partido Julião Correia Varela. “O PAICV apresenta ao Setor da França e a todos os militantes do Setor, o nosso voto de pesar pela perda de um Militante que pautava o seu desempenho pela entrega e dedicação à causa do Partido”.

Também o Setor do PAICV em França diz estar “de luto”. “Perdemos um membro fundador da nossa estrutura, um militante dinâmico e implicado com os nossos valores e o nosso pais Cabo Verde” escreve Isabel Voltine Borges, a Deputada suplente eleita pelo círculo eleitoral da Emigração, e residente em França, quando apresenta condolências à esposa e às filhas de Elísio Lopes.

As cerimónias fúnebres de Elísio Lopes vão ter lugar na quarta-feira, 29 de janeiro, às 15h30, no Crématorium du Père Lachaise, sala La Coupole, no 71 rue des Rondeaux, em Paris 20.

 

Comunidade
X