Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

O FC Porto apresentou ontem 29 jogadores para a nova temporada, no Estádio do Dragão, antes da partida frente ao Lyon, que terminou com a vitória dos ‘dragões’ por 5-3.

A principal novidade foi a ausência de Fernando Andrade. O avançado brasileiro regressou do empréstimo ao Caykur Rizespor, e esteve a trabalhar com a equipa nesta pré-época, tendo mesmo marcado um golo no jogo de preparação frente ao Lille, que se realizou no Algarve. Agora, deverá ser novamente emprestado.

O jogador fez uma publicação nas redes sociais despedindo-se do clube e agradecendo a oportunidade.

Corona, ainda ao serviço da Seleção mexicana na Gold Cup, também não subiu ao relvado do Estádio do Dragão, e deverá chegar ao Porto durante a próxima semana.

Entretanto, e numa partida ainda disputada à porta fechada devido à pandemia de Covid-19, visto que apenas só a partir deste domingo poderá haver público nos estádios, o FC Porto entrou melhor e logo nos primeiros minutos chegou ao golo, através de uma grande penalidade.

Aos três minutos o árbitro assinalou o castigo máximo por falta sobre Nanu no interior da grande área gaulesa. O lateral portista foi derrubado por Cornet.

Sérgio Oliveira converteu a grande penalidade. A bola ainda bateu no poste direito da baliza de Anthony Lopes, que adivinhou o lado escolhido, mas entrou.

Com um ritmo rápido, e com ambas as equipas na procura do golo, o FC Porto conseguiu aumentar a vantagem à meia hora de jogo com um grande golo de Fábio Vieira.

Luis Díaz cruzou na esquerda, Fábio Vieira recebeu e rematou de primeira.

Dez minutos depois, os franceses reduziram por intermédio de Marcelo. Depois de um livre batido na direita, o jogador da equipa francesa recebeu na área e cabeceou para o fundo da baliza de Diogo Costa.

Após o intervalo, as duas equipas fizeram alterações e isso sentiu-se na dinâmica do jogo. A partida tornou-se, no arranque da segunda parte, mais lenta e com menos oportunidades de perigo.

O Lyon chegou ao empate aos 54 minutos. Cornet cruzou na área e Toko Ekambi só teve que empurrar para o golo.

A última metade da segunda parte ganhou uma nova intensidade e os golos não se fizeram esperar.

O Capitão portista, Pepe, aos 79 minutos, colocou novamente a formação comandada por Sérgio Conceição na frente. Após um canto curto, Vitinha cruzou ao segundo poste e Pepe, com um cabeceamento nas alturas, fez o golo.

Mas a vantagem não durou muito tempo. No minuto seguinte, Slimani, que passou pelo Sporting, repôs a igualdade.

Mas o FC Porto, organizado, pegou bem no jogo e aproveitou da melhor forma o erro do adversário e seguiram-se mais dois golos – Toni Martinez e Taremi – que encerraram a contagem.

Os ‘dragões’ iniciam a época no próximo domingo, às 18h00 (hora portuguesa), no Estádio do Dragão, frente ao Belenenses SAD, na primeira jornada da I Liga portuguesa de futebol.

 

FC Porto 5-3 Lyon

Ao intervalo: 2-1

Jogo disputado no Estádio do Dragão, no Porto

Marcadores: Sérgio Oliveira (04 min, gp), Fábio Vieira (30 min), Marcelo (40 min), Toko Ekambi (54 min), Pepe (79 min), Slimani (80 min), Toni Martinez (82 min) e Taremi (84 min)

FC Porto: Diogo Costa, Nanu, Mbemba, Marcano, Zaidu, Sérgio Oliveira, Fábio Vieira, Luis Diaz, Vitinha, Francisco Conceição e Evanilson. Jogaram ainda: Marchesín, Grujic, Manafá, Pepe, Taremi, Otávio, Toni Martinez, João Mário, Diogo Leite, Bruno Costa, Pepê, Romário Baró, Fábio Cardoso, Carraça, Rodrigo Valente. Treinador: Sérgio Conceição

Lyon: Anthony Lopes, Gusto, Marcelo, Lukeba, Cornet, Caqueret, Habib Keita, Houssem Aouar, Toko Ekambi, Dembélé e Cherki. Jogaram ainda: Jean Lucas, Dubois, Kadewere, Slimani, Diomande, Barcola. Treinador: Peter Bosz

Árbitro: Vítor Ferreira (AF Braga)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Keita (34 min), Zaidu (45+1 min) e Toni Martinez (89 min)

Assistência: Jogo disputado à porta fechada devido à pandemia de Covid-19

 

Desporto
X