Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Grupo de Forcados Amadores de Arronches esteve no sábado passado, dia 29 de julho, em Beaucaire, uma cidade no Gard, onde participou nas Jornadas da Tauromaquia, no quadro das festas da cidade.

Este ano Beaucaire inovou, voltando a reunir Recortadores espanhóis e franceses, Gardians da Camargue e Forcados portugueses, uma tradição que estava um pouco esquecida na região.

Os Gardians Camargais abriram a Jornada com demonstrações de “Cheval-Toro”, que consiste a saltar de um cavalo em velocidade, para um touro, para o imobilizar, o que foi conseguido pelas três “manades” presentes.

Depois entraram em pista os “Recortadores” franceses e espanhóis que, através dos famosos “quiebros” e de “saltos do anjo”, mostraram valentia face aos touros de combate da Ganadaria Tardieu.

Os Forcados de Arronches entraram na arena e dominaram a nobre arte de pegar touros, fazendo levantar o público de uma arena a abarrotar, para aplaudir os Forcados portugueses.

No primeiro touro, o Cabo foi Dino Fragoso, em substituição de Vasco Mouzinho, ferido na primeira pega.

Rafa Pimenta, que enfrentou o segundo touro, transmitiu emoção ao público graças a uma esplêndida pega, em que atravessou quase completamente a arena, na cara do touro.

Quanto ao terceiro touro, foi imobilizado no seguimento de uma pega de Tiago Miguel, à segunda tentativa.

Os Forcados de Arronches vieram a França comandados por Manuel Cardoso, e proporcionaram um verdadeiro espetáculo de tauromaquia.

De notar que nenhum touro foi ferido durante esta demonstração.

 

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 4 Votos
6.9
X