Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Paris Saint-Germain entrou com o pé direito na defesa do título de Campeão. Os Parisienses venceram por 3-0 o Nîmes na jornada inaugural do campeonato francês de futebol.

Um encontro durante a qual a equipa do Paris Saint Germain não teve muitas dificuldades. A equipa dominou, controlou e chegou ao primeiro tento aos 24 minutos de jogo com um golo apontado pelo avançado uruguaio Edinson Cavani de grande penalidade.

Sem a estrela brasileira Neymar, os Parisienses conseguiram impor o seu ritmo. No intervalo a diferença ainda era mínima, 1-0. De notar que no onze inicial do Paris Saint-Germain estavam presentes dois brasileiros: Marquinhos e Thiago Silva.

Durante a segunda parte o PSG voltou a acelerar e apontou mais dois tentos pelo avançado francês Kylian Mbappé, aos 56 minutos, e pelo avançado argentino Ángel Di María, aos 69 minutos, este último tendo passado pelo campeonato português, vestindo as cores do Benfica.

O resultado fixou-se em 3-0 para os Parisienses perante o Nîmes, clube do Sul da França, que conta no seu plantel com dois lusodescendentes: o guarda-redes Lucas Dias e o lateral esquerdo Florian Miguel.

De referir que o jogo foi marcado por cânticos e cartazes dos adeptos parisienses a insultar a estrela brasileiro do PSG, Neymar, que esteve ausente e que estará de saída do clube.

Em declarações à imprensa, o médio italiano Marco Verratti admitiu que gostar de continuar a contar com Neymar na equipa, ele que o comparou ao internacional português Cristiano Ronaldo: “A nossa opinião relativamente a Neymar não vai mudar. É um jogador do Paris Saint Germain e se ficar, ficaremos muito felizes com isso. Neymar é um jogador incrível. Faz parte dos dois-três melhores do mundo. Nos últimos dois anos teve um pouco de azar, mas quando jogou demonstrou estar num outro nível, como Cristiano Ronaldo ou Messi, então veremos o que vai aconteceu”.

Dentro das quatro linhas, o vice-campeão de França, o Lille, venceu por 2-1 o Nantes com dois tentos apontados pelo avançado nigeriano Victor Osimhen. A equipa do Norte da França contou com dois portugueses a titular: José Fonte e Tiago Djaló, enquanto Xeka continua a recuperar de uma lesão.

O Lyon e o Paris Saint-Germain com triunfos respectivos por 3-0 frente ao Monaco de Leonardo Jardim e ao Nîmes, lideram a primeira divisão francesa após a primeira jornada, enquanto o Lille segue no sexto lugar com os mesmos pontos.

 

Serralharia Vieirense 082019
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
9.4
X