Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A artista luso-angolana Pongo abre a participação portuguesa no MaMA Festival esta noite pelas 20h45 na Sala da ‘La Cigale’.

Pongo, que chegou a Portugal com oito anos proveniente de Angola, fugindo da guerra civil, traz o seu estilo musical ao público francês, o bem conhecido Kuduro.

Em declarações ao Portugal Muito Maior, Pongo admitiu que vai trazer surpresas para a sua atuação: «Irei trazer algumas surpresas, na base do meu Kuduro infinito com a mistura dos sentimentos mais profundos que qualquer ser humano pode alcançar, muita energia, dança e muito boa vibe», acrescentando que este festival é importante para «impulsionar» uma carreira internacional e trazer «visibilidade».

Pongo, conhecida como a voz dos Buraka Som Sistema quando tinha 15 anos, tem agora 27 anos e já lançou o seu primeiro EP, um primeiro trabalho influenciado pelas origens angolanas: «Os ritmos africanos desde sempre estiveram presentes nos diferentes estilos musicais do mundo. E é claro com o upgrade e inovação de vários outros artistas pelo mundo, como Buraka Som Sistema em Portugal com o Kuduro, isso ajudou a impulsionar a visibilidade dos sons africanos e sem dúvida é um dos sons que é obrigatório oferecer ao mundo», concluiu.

Pongo

La Cigale

120 Boulevard de Rochechouart

75018 Paris

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.9
X