Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Desporto

 

 

O tenista português Pedro Sousa está a um passo do quadro principal de Roland Garros, após ter vencido hoje o italiano Lorenzo Giustino em dois ‘sets’, na segunda ronda da fase de qualificação do ‘major’ parisiense.

O lisboeta, de 33 anos, impôs-se ao 205º tenista da hierarquia ATP com expressivos 6-4 e 6-1, em uma hora e 23 minutos, avançando para a terceira e última ronda do ‘qualifying’ do segundo ‘Grand Slam’ da temporada.

Pedro Sousa, 287º classificado da hierarquia mundial, superiorizou-se na ‘dança’ de quebras de serviço no primeiro ‘set’ – houve cinco ‘breaks’, três favoráveis ao português – e levou de vencida o primeiro parcial, antes de embalar para uma vitória tranquila no segundo.

O português quebrou o serviço de Giustino logo no primeiro jogo do segundo ‘set’ e voltou a fazê-lo duas vezes mais, anulando ainda os quatro ‘break-points’ que enfrentou no sexto jogo.

Pedro Sousa regressa assim à terceira ronda do ‘qualy’ de Roland Garros, fase em que ‘caiu’ em 2017 e 2012.

O experiente tenista luso, que nunca disputou o quadro principal na ‘Catedral da terra batida’, aguarda agora o desfecho do encontro entre o moldavo Radu Albot (112º) e o australiano Jason Kubler (161º) para conhecer o seu adversário na derradeira ronda da qualificação.

Donativos LusoJornal

 

X