Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Isabel de Sousa Cardoso, dirigente da Associação Cultural Portuguesa de Strasbourg confirmou ao LusoJornal que os Portugueses que moram no centro da cidade, na zona onde esta noite houve um atentado presumivelmente terrorista “são poucos e estão bem”.

“As redes sociais estão a funcionar e já contactámos quase toda a gente” diz Isabel de Sousa Cardoso. “O centro de Strasbourg é o sítio onde moram menos Portugueses. As redes sociais funcionam, estão bem e em casa”.

Na cidade de Strasbourg e nos arredores próximos residem cerca de 4.000 Portugueses. Para além dos dois grupos de folclore – Estrela Dourada e Saudades de Portugal – e para além da Missão Católica Portuguesa, a Associação Cultural Portuguesa é a que tem a sua sede social mais próxima do centro da cidade, atualmente bloqueado.

Aliás, a ACP anima programas de rádio em língua portuguesa na Rádio Bienvenue Strasbourg. Ora, o estúdio da rádio está precisamente na Praça Kléber, na zona onde o atirador terrorista teriam disparado esta noite. O programa “Voz de Portugal” tem lugar ao domingo, à hora do almoço, e hoje não estava nenhum animador português nos estúdios.

O Mercado de Natal de Strasbourg é o mais conhecido de França. Junta todos os anos cerca de 5 milhões de turistas. Começou no dia 23 de novembro e só devia terminar a 24 de dezembro. Em 2016 Portugal foi o país convidado de honra.

“Strasbourg tem um dispositivo de segurança muito grande. Todo o centro da cidade está bloqueado durante o dia, os carros não entram, os parques de estacionamento estão fechados, até os tramways não param em certas estações” explica Isabel de Sousa Cardoso. “Desde 2016 que o dispositivo está bem rodado, há muito controlo”. Mas esta noite o controlo parece ter falhado e o terrorista disparou em pleno centro da cidade.

Esta é também a “Semana Parlamentar” em que os Deputados Europeus estão em Strasbourg. Isabel Sousa Cardoso diz que a Deputada Sofia Ribeiro encontrava-se na Place de la Cathédrale, “mas está bem e tudo quanto sei, todos os outros Deputados portugueses estão bloqueados no Parlamento europeu, e estão bem”.

Até agora não foi possível ao LusoJornal contactar o Consulado Geral de Portugal em Strasbourg. Na cidade está também a Missão de Portugal junto do Conselho da Europa.

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
8.7
X