Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
ItB1ZV_fnL8
Donativos LusoJornal

Victor Caio Roque na indústria metalomecânica na Alemanha quando foi assumir as funções de Deputado pelo círculo eleitoral da Europa, em 1983. Quando recebeu o primeiro salário na Assembleia da República, de 23.400 escudos, decidiu regressar à Alemanha onde ganhava bem mais. Foi Mário Soares quem o aconselhou a continuar e hoje não se arrepende.

Caio Roque chegou à Alemanha em 1969, depois de ter sido Paraquedista (algo que “fica para a vida”) e de ter sido militar em Moçambique. Na Alemanha, onde ficou 15 anos, aderiu ao SPD em Dortmund.

Lembra-se do “radicalismo” dos primeiros anos do Conselho das Comunidades Portuguesas (CCP) e da diferença entre os Conselheiros da Europa e os dos outros continentes.

Mais tarde foi Deputado eleito pelo círculo eleitoral de Fora da Europa e depois de ter passado 15 anos no Parlamento, esteve 4 anos no Gabinete do então Secretário de Estado das Comunidades, José Lello.

Pedro Rupio é Presidente do CCP/Europa e está a fazer uma série de entrevistas para comemorar os 40 anos do Conselho das Comunidades Portuguesas, em parceria com o LusoJornal.

 

Comunidade
X