Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Um cidadão luso-francês foi detido pela Polícia Judiciária no Algarve. De acordo com um comunicado da PJ portuguesa, esta força policial desencadeou uma operação no passado dia 21 de outubro “com o objetivo de dar cumprimento a mandados de detenção europeus, pendentes contra dois cidadãos” detidos. Os homens têm idades compreendidas entre os 46 para o luso-francês e os 74 anos para um padre irlandês suspeito de pornografia de menores.

“O cidadão luso-francês foi condenado a dezoito meses de prisão pela prática dos crimes de burla, fraude e abuso de confiança, praticados entre maio de 2010 e outubro de 2012”, dá conta o comunicado.

O Luso-Francês veio para Portugal recentemente, com a família, e acabou por ser localizado e detido igualmente no Algarve.

O Lusodescendente foi presente ao Tribunal da Relação competente e “ficou a aguardar” pela “extradição em prisão preventiva”, finaliza o comunicado oficial da PJ.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.5
X