Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

José de Sousa Gomes, reformado desde agosto de 2015 da indústria de caixilharia de alumínio, não ficou convencido com as medidas do Presidente Emmanuel Macron, isto até no que diz respeito às reformas.

Há quase cinco semanas que a França vive com os protestos, as manifestações e as reivindicações dos Coletes Amarelos. Confrontado com este clima, o Presidente da República, Emmanuel Macron, decidiu abrir mão em alguns aspetos como a anulação do aumento do imposto de contribuição generalizado para os reformados que recebam menos de dois mil euros por mês, isto a partir de janeiro de 2019. Medidas que não parecem convencer os Coletes Amarelos.

Para José de Sousa Gomes, Português de 65 anos, a situação atual exigia um Movimento como os Coletes Amarelos porque defendem uma causa justa, no entanto defende que o Movimento tem de se organizar.

 

O que pensou das medidas de Emmanuel Macron?

Foram muito ligeiras, foi unicamente para tentar calar o povo. Acho que Emmanuel 5Macron devia ter intervido muito mais cedo. Esqueceu-se de que a reforma é um valor fixo e que não muda. Em 10 anos o custo de vida aumentou, no entanto a reforma continua igual. Devia haver um aumento na reforma segundo o aumento “INSE”. Quanto aos descontos, estamos (nós os reformados), a pagar descontos/mês e impostos/anuais, sobre os descontos e impostos que já pagamos durante (no meu caso), 43 anos de trabalho.

 

A sua reforma teve muitas alterações desde que chegou Emmanuel Macron?

Aplicou-me descontos que não tinha antes, aumentou-os seguidamente. Entre a reforma base e a complementar, fiquei a receber menos 100€ sensivelmente por mês. Passei a pagar cerca de 2500€ de impostos, que antes pagava cerca de 1500€. Pago cerca de 2500€ de impostos anuais sobre uma reforma que ganhei durante 43 anos de trabalho e durante os quais também paguei os meus impostos. É uma pura roubalheira nacional que estão a fazer aos reformados.

 

Apoia o Movimento Coletes Amarelos? Acha que o combate é justo? E o que pensa dos métodos dos manifestantes?

Apoio plenamente os coletes amarelos e espero que se organizem melhor. Até aqui têm andado mal organizados, por isso há desordem que temos infelizmente visto nas informações. Os coletes amarelos defendem uma causa justa. Não provoquem desordens e não partem: “Les casseurs ne sont pas des gilets jaunes”.

 

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 6 Votos
7.6
X