Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A Coordenação das Coletividades Portuguesas de França (CCPF) anula a cerimónia de entrega de Diplomas aos alunos dos cursos de português, prevista para este fim de semana na Ópera de Massy. A decisão foi tomada em função do desenvolvimento da epidemia do Coronavirus em França e das “exigências governamentais para assegurar a segurança sanitária” explicou ao LusoJornal Marie-Hélène Euvrard, a Presidente da CCPF. “Não temos condições para acolher 1.000 pessoas na Opera de Massy”. A situação “seria incontrolável”, acrescenta.

Marie-Hélène Euvrard garante que a CCPF tomou esta decisão “depois de muitas trocas de informação com a Coordenação de ensino português e com a Préfecture”.

Há vários anos que a CCPF tem organizado a entrega de certificados aos alunos das aulas de português. A cerimónia estava agendada para este fim de semana e seriam entregues certificados a 330 alunos. “Estávamos a preparar uma bela manifestação com autoridades do mundo lusófono, como a Secretária de Estado das Comunidades, Embaixadores e artistas” garante Marie-Hélène Euvrard ao LusoJornal. “Mas temos de dar lugar à razão”.

“Lamentamos esta anulação, pelas crianças, pelos pais, por todos os parceiros, pelas autoridades que nos acompanham nesta bela cerimónia” lamenta a Presidente da CCPF, ao mesmo tempo que agradece a compreensão de todos e que promete “tentar reprogramar esta manifestação” numa outra oportunidade.

A CCPF tem também em preparação uma estadia linguística por imersão, durante o mês de maio, em Portugal, mas o grupo de crianças participantes já está completo. “Esperamos que daqui até lá, a epidemia tenha acabado”.

O sucesso destas estadias linguísticas por imersão, também organizadas há alguns anos pela CCPF, fazem com que este ano seja organizada uma segunda sessão, em julho.

 

Ensino
X