Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A Ministra da Saúde afirmou ontem que os emigrantes portugueses são “muito bem-vindos” e que só correrão riscos se não cumprirem as “regras básicas do distanciamento físico”.

“Não é pela circunstância das pessoas trabalharem num outro país e virem visitar os seus [em Portugal] que há um risco específico”, disse Marta Temido durante a conferência de imprensa diária sobre a evolução da Covid-19.

E acrescentou: “O risco específico decorre do incumprimento das regras básicas, do distanciamento físico – que eu compreendo que seja mais difícil de manter quando nós não vemos os nossos há longo tempo – e das medidas básicas de utilização de equipamento de proteção individual, lavagem das mãos e não partilha de objetos”.

A governante manifestou-se convicta de que os emigrantes “entrarão no país cumprindo as regras que é preciso cumprir em qualquer sítio do mundo”. serão muito bem-vindas.

Mas ressalvou que a sua equipa está a “aferir, a cada momento, a possibilidade de fazer, uma vez mais, campanhas de informação, mas para reforço genérico das mensagens”.

A Comunidade portuguesa em vários países europeus planeia passar as férias de verão em Portugal, depois dos planos de visitar o país na Páscoa não se ter concretizado devido ao estado de emergência em resposta à pandemia de Covid-19.

 

Comunidade
X