Dia 06 de dezembro



1185: Morre, com 76 anos, D. Afonso Henriques, primeiro Rei de Portugal e fundador da nacionalidade, em Coimbra.

1383: D. João, Mestre de Aviz, apunhala o Conde de Andeiro, favorito da rainha Leonor Telles. O facto marca o início da revolução popular pela soberania portuguesa (1383-1385).

1865: É abolida a escravatura nos EUA, com a aprovação da 13.ª Emenda Constitucional pelo Presidente Abraham Lincoln durante a Guerra Civil norte-americana (1860-1865).

1910: O Governo da I República Portuguesa reconhece o direito à greve e regulamenta o seu exercício.

1938: A França e a Alemanha de Hitler assinam o pacto de inviolabilidade das fronteiras entre os dois países.

1983: Morre, com 90 anos, Maria Lamas, escritora e pedagoga portuguesa, autora de “O Mundo dos Deuses e dos Heróis” e “As Mulheres do Meu País”.

2004: Sete dos 12 membros da comissão independente, nomeada pelo Parlamento, concluiram ter havido um “ato de sabotagem” no avião em que morreram Francisco Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa, em Dezembro de 1980.

2012: Morre, aos 104 anos, Oscar Niemeyer, arquiteto brasileiro, reconhecido em todo o mundo como um dos grandes expoentes da arquitetura moderna.

2013: Morre, com 84 anos, o poeta moçambicano Virgílio de Lemos. Vivia em Paris onde foi jornalista na RFI.

2017: Morre, aos 74 anos, em Paris Johnny Hallyday, considerado o pai do rock & roll francês.

.

Este é o tricentésimo quadragésimo dia do ano. Faltam 25 dias para o termo de 2023.

Pensamento do dia: “O mundo nunca foi redimido pelo ódio”. Hermann Broch (1886-1951), escritor austríaco.