Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

1601: Nasce o matemático francês Pierre de Fermat.

1710: Morre, com 66 anos, o escritor português padre Manuel Bernardes, nome maior da literatura barroca portuguesa, autor de “Luz e Calor” e “Os Últimos Dias do Homem”.

1808: Vitória da coligação luso-britânica sobre as forças francesas, na Batalha de Roliça.

1815: Napoleão Bonaparte chega à Ilha de Santa Helena, lugar do desterro.

1879: É criada a Companhia Francesa do Canal do Panamá, sob a presidência de Ferdinand Lesseps.

1906: Nasce Marcello Caetano, jurista, professor universitário, delfim do Estado Novo, último Presidente do Governo antes do 25 de Abril de 1974.

1927: É fundada a Federação Portuguesa de Basquetebol.

1945: O presidente francês Charles De Gaulle comuta a pena de morte do marechal Pétain, presidente do governo colaboracionista de Vichy, para prisão perpétua.

1955: Morre o escultor e pintor francês Fernand Lèger.

1987: Morre, aos 84 anos, o poeta brasileiro Carlos Drummond de Andrade, autor de “Morte e Vida Severina”, “Psicologia da Composição”, “Uma Faca só Lâmina”.

1987: Morre, com 93 anos, Rudolf Hess, antigo líder do Partido Nazi, cúmplice do genocídio e braço-direito de Hitler, derradeiro sobrevivente dos prisioneiros nazis em Spandau.

 

Este é o ducentésimo vigésimo nono dia do ano. Faltam 136 dias para o termo de 2022.

Pensamento do dia: “Não podes ver o que és. O que vês é a tua sombra”. Rabindranath Tagore (1861-1941), escritor indiano, Nobel da Literatura.

X