Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Dylan Ribeiro: jovem lusodescendente apresenta primeiro CD de música popular na rádio Albigés

LusoJornal / Manuel André LusoJornal / Manuel André

Dylan Ribeiro nasceu em Rodez, departamento de Aveyron, na Occitanie, e já pertence à terceira geração de lusodescendentes, com a mãe nascida na mesma região e um pai minhoto.

Ainda no berço, a sua cultura musical foi alimentada pelo avô que tocava Concertina nas festas de família, e pela voz materna que pertencia a um grupo folclórico de Rodez e cantava em festas associativas.

De Portugal conhece sobretudo a região do Minho e as suas festas tradicionais, embora aprecie o hip-hop português, a tendência natural foi para a música popular.

Convidado do programa “Presença Portuguesa” da rádio Albigés, em Albi, Dylan teve a oportunidade de apresentar aos ouvintes o seu primeiro trabalho. “A minha paixão pela música popular portuguesa, e sobretudo para a Concertina, vem sem dúvida da herança familiar”.

“Há cerca de ano e meio, através das redes sociais, entrei em contato com o conhecido artista português Chris Ribeiro, que me deu uns concelhos para me lançar no mundo da música” explicou o jovem artista. “Pouco tempo depois, mandei uma mensagem ao artista e produtor Nelson Costa, habituado a promover jovens artistas, expus-lhe as minhas motivações e os meus objetivos, e o Nelson aceitou produzir o meu primeiro disco”.

Nelson Costa compôs as letras, a música, com a colaboração de Tony Martinho, na guitarra e os coros de Alzira Címa, “e lá fui eu para Paris gravar o CD”, explicou Dylan Ribeiro.

Foi precisamente no dia 1 de março, dia em que completou 18 anos, que Dylan Ribeiro começou a gravações do álbum.

Intitulado “Minha Alegria”, composto por 10 temas em português, editado pela NF Edições, o CD já está disponível em diversas plataformas digitais, desde o dia 30 de junho.

Dylan Ribeiro acabou de obter o seu Bac francês. Músico autodidata, o jovem lusodescendente começou a aprender a tocar Concertina aos 14 anos, utilizando vídeos disponíveis na Web. Quatro anos mais tarde, deu para fazer uma demonstração em direto na rádio Albigés. “O meu sonho é fazer carreira como músico, mas se não o conseguir, vou continuar na mesma via como amador”.

Primeiro diz que vai fazer uma “análise” com Nelson Costa, relacionada com as vendas e o sucesso – ou não – do primeiro CD. “Depois, se tudo correr bem, gravar um segundo álbum, desta vez com a colaboração, enquanto cantora, da minha mãe, que tanto me apoiou neste projeto, um sonho que ela tinha, mas que fui eu a concretizar”.

Apesar de “mandar a tradição”, este ano Dylan Ribeiro não pode ir de férias a Portugal, nem assistir às festas que tanto aprecia, sobretudo na região do Minho, onde a Concertina é Rainha. “É uma festa adiada, mas sempre na minha mente uma possibilidade em aberto, regressar definitivamente às minhas origens”.

LusoJornal Artigos

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
3.7
X