Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Desporto

 

O trajeto imaculado do Benfica na Liga dos Campeões de futebol será colocado à prova pelo ‘poderoso’ Paris Saint-Germain, enquanto o Sporting vai defender a liderança do grupo em Marseille.

 

Entre os três ‘grandes’, o Benfica será aquele com tarefa mais complicada na terceira ronda da ‘Champions’, uma vez que, esta semana, na quarta-feira (21h00, hora francesa), no Estádio da Luz, terá pela frente o primeiro de dois embates no espaço de uma semana com o ‘milionário’ parisiense, com o qual divide o topo do Grupo H, ambos com seis pontos.

Na véspera, o Sporting, líder isolado do Grupo D, com duas vitórias em duas partidas, também defrontará um conjunto gaulês, no caso o Marseille (18h45, hora francesa), que ainda não pontuou nesta edição da competição.

Na terça-feira, o Sporting desloca-se a Marseille com a intenção de reforçar a liderança do Grupo D, com seis pontos, perante um adversário que continua a ‘zeros’ na ‘poule’ europeia, num encontro que será disputado à porta fechada, no Stade Velódrome, na sequência do castigo aplicado pela UEFA aos Marselheses, que contam com o lateral luso Nuno Tavares.

Após vitórias sobre Eintracht Frankfurt e Tottenham, os ‘Leões’ podem dar, no sul de França, um passo importante para garantirem, pelo segundo ano seguido, a presença nos oitavos de final, ainda que do outro lado esteja uma formação capaz do melhor e do pior, tendo em conta que segue nas posições cimeiras da Liga gaulesa, em segundo, apenas atrás do líder PSG.

Na ‘peugada’ do Sporting estão alemães e ingleses, ambos com três pontos, que têm duelo agendado para Frankfurt, sendo certo que, independentemente do que acontecer em Marseille e na Alemanha, os ‘verdes e brancos’ vão manter-se no topo do grupo, face à vantagem que detêm no confronto direto com Eintracht e Tottenham.

O último dos ‘grandes’ a entrar em ação nesta ronda da ‘Champions’ será o Benfica, na quarta-feira, e logo perante um dos crónicos candidatos a erguer o troféu no final da temporada, o PSG, que ainda procura confirmar na Europa o estatuto hegemónico que adquiriu em França nos últimos anos.

Depois de terem passado com distinção o primeiro grande teste europeu, resgatando uma vitória em Turim, perante a Juventus (2-1), os ‘encarnados’ enfrentam agora o trio Messi-Mbappé-Neymar, os nomes de ‘cartaz’ de um plantel que integra os portugueses Danilo Pereira, Nuno Mendes, Vitinha e Renato Sanches, que deve falhar o jogo por lesão.

No Estádio da Luz, as ‘Águias’ vão tentar regressar aos triunfos, depois do empate de sábado, em Guimarães, onde falharam aquela que seria a 14ª vitória consecutiva em todas as provas a abrir a temporada, num jogo em que pontuar será sempre positivo.

 

Donativos LusoJornal
X