Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Estado português comprou por sete milhões de euros a parte dos operadores privados, Altice e Motorola, no Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança (SIRESP), foi anunciado pelo Governo.

O decreto-lei, aprovado em Conselho de Ministros, “transfere integralmente para a esfera pública” as funções relacionadas com “a gestão, operação, manutenção, modernização e ampliação da rede SIRESP, e também a estrutura empresarial.

A transferência será feita a 01 de dezembro de 2019 e o Estado vai pagar sete milhões de euros, que corresponde a 33.500 ações, afirmou, no final da reunião, o secretário de Estado do Tesouro, Álvaro Novo.

O SIRESP é detido em 52,1% pela PT Móveis (Altice Portugal) e 14,9% pela Motorola Solutions, sendo 33% da Parvalorem (Estado).

Altice Portugal e Motorola Solutions satisfeitas

A Altice Portugal e a Motorola Solutions manifestaram “satisfação” com a “efetivação do acordo” de compra pelo Estado das suas participações no SIRESP – Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança, “a contento de todas as partes”.

Recorde-se que a Altice Portugal é uma filial da Altice Europe, empresa detida pelo Francês Patrick Drahi. Aliás a Altice Europe detém a Altice France, grupo onde estão empresas como a SFR, a RMC ou ainda o jornal Libération.

 

LusoJornal Artigos
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.2
X