Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A exposição «Singularités du Blanc» de João Moniz, vai ser inaugurada no espaço Nuno Júdice, do Consulado Geral de Portugal em Paris, na próxima quarta-feira, dia 4 de outubro, pelas 18h30.

João Moniz nasceu em Lisboa, no dia 3 de janeiro de 1949, e fez a Escola de Artes Decorativas António Arroio, a École Nationale Supérieure des Beaux Arts de Paris e o Atelier Gustave Singier.

«É um pintor intimista, minucioso, que procura num espaço e num tempo primordial e espiritual uma luz criativa apontadora de caminhos pictóricos» diz uma nota do Consulado Geral de Portugal em Paris.

No seu percurso artístico já expôs, desde os anos 70, em salas tão importantes como o Centro Cultural Português – Fundação Gulbenkian, Paris, a Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, a Maison de Culture da la Rochelle, França, o Instituto Camões, Paris, a Galeria In Zwinger, Alemanha, as Galerias Quadrum, Galeria 111 e Galeria António Prates, Lisboa, UNESCO, Paris, o Centro Cultural de Cascais – Fundação D. Luís I e a Assembleia da República Portuguesa.

Este grande nome da pintura portuguesa contemporânea participou igualmente nos prestigiados «Salon de Mai» e no «Salon des réalités Nouvelles» em Paris, por dois anos consecutivos, e em várias feiras internacionais de arte.

De referir ainda, o filme-documentário realizado sobre a sua obra para a Televisão Alemã em 1985.

Esta exposição estará patente no Consulado Geral de Portugal em Paris até ao dia 3 de novembro.

 

Consulado Geral de Portugal

6 rue Georges Berger

75017 Paris

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 4 Votos
2.6
X