Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Festa da Castanha gigante em Frontignan

LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio LusoJornal / Tony Inácio

A Salle de l’Air da cidade de Frontignan, no Hérault, quase era pequena demais para acolher tanta gente, no sábado 11 de novembro. Como acontece todos os anos, a Associação Portuguesa Cultural de Frontignan organizou a tradicional Festa das Castanhas.

A noite começou por volta das 19h00, com a abertura das portas, para que os cerca de 700 participantes se instalem nas mesas. Muitos voluntários da associação estavam lá desde manhã, para preparar a sala, decorá-la, preparar os cerca de 350 kg de castanhas que chegaram de Portugal, assim como o Caldo Verde senvido a todos os convivas.

Depois do discurso de boas vindas de Isabel Fiúsa, a Presidente da associação – acompanhada por membros do Comité de ajuda às vítimas dos incêndios em Portugal, do qual faz parte a Associação Portuguesa de Frontignan – a noite pode enfim começar, com humor e boa disposição.

Depois das castanhas e do Caldo Verde, servido numa malga de barro, oferecido gratuitamente aos participantes, a noite foi animada pelo grupo Enigma, vindo especialmente da região de Orléans, que fez vibrar toda a gente, noite dentro, com canções portuguesas.

A Presidente da associação passou a noite a desculpar-se por não ter possibilidade de acolher mais gente e ter recusado entrada a muitos portugueses. Mas quem participou gostou da noite, que promete ser ainda maior no próximo ano.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 6 Votos
7.8
X