Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

A organização do festival Cinéma du Réel, dedicado ao documentário, que decorrerá em março, anunciou hoje que vai programar o filme “Armour”, do realizador português Sandro Aguilar, na competição oficial.

De acordo com a programação hoje anunciada, a competição internacional contará com 11 longas-metragens e 10 curtas-metragens, entre as quais o filme experimental “Armour”, do produtor, argumentista e realizador Sandro Aguilar.

Coproduzido com o Canadá, “Armour” conta com as interpretações de Jean-Philippe Catellier e Eduardo Aguilar, e esteve já presente numa dezena de festivais, entre os quais o Curtas de Vila do Conde, o Caminhos do Cinema Português e os Encontros Internacionais do Documentário de Montréal (Canadá).

A 43ª edição do Cinéma du Réel, organizado pelo Centro Pompidou, em Paris, decorrerá de 12 a 21 de março e – tal como já aconteceu em 2020 – voltará a exibir programação apenas ‘online’, devido à pandemia da Covid-19.

Sandro Aguilar, de 46 anos, conta com mais de uma dezena de filmes, entre os quais “Mariphasa” (2018), “Voodoo” (2010) e “A zona” (2008), com presença recorrente no circuito de festivais, e foi um dos fundadores da produtora O Som e a Fúria.

 

Cultura
X