Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Finalmente, André Villas-Boas vai continuar a treinar o Olympique de Marseille, com novo contrato por mais dois anos e com mais um de opção. A decisão foi tomada depois da pressão dos adeptos do OM que admiram o treinador português.

No dia 14 de maio, o OM anunciou a saída do Diretor desportivo do clube, o espanhol Andoni Zubizarreta. Andoni Zubizarreta e André Villas-Boas são amigos e o Treinador português deixou entender que não continuaria em Marseille sem o espanhol que o contratou.

“Após várias conversas trocadas nos últimos dias com Frank McCourt [dono do clube] e Jacques-Henri Eyraud [presidente], André Villas-Boas confirmou que deseja continuar a colaborar com o Marseille para a próxima temporada”, revelou fonte do clube francês, citada pela agência France Presse.

Os dirigentes cederam à pressão dos adeptos que querem que o Treinador português – que levou o OM ao segundo lugar do Campeonato – continue em Marseille. O clube foi aliás apurado para a Liga dos Campeões.

 

Desporto
X