Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Desporto

 

O empresário português Armando Lopes deixou esta terça-feira a Presidência do clube de futebol US Créteil/Lusitanos para Bassam Al-Homsi, mas continua membro do Comité de Direção do clube.

Armando Lopes, atualmente com quase 80 anos, e também dono da rádia Alfa, chegou ao clube do Val-de-Marne em 2002, a convite do Maire Laurent Cathala, e substituindo o mediático Alain Afflelou. Trazia o objetivo de levar o clube até à Ligue 1, depois de uma tentativa de fusão com o Lusitanos de Saint Maur, mas acabou por falhar estes dois objetivos: o Lusitanos de Saint Maur renasceu das cinzas e volta a ser um dos grandes clubes da região parisiense e o Créteil/Lusitanos acabou por descer aos campeonatos Nacionais.

Agora, Armando Lopes diz querer dedicar-se plenamente a outras atividades e sobretudo à família.

O empresário português marcou, mesmo assim o mundo do futebol, mantendo o Créteil/Lusitanos durante 8 épocas na Ligue 2, foi Campeão de National em 2013 e Campeão de National 2 em 2019. Este ano terminou a época no 17° lugar no Campeonato de National.

“É uma evidência: no plano desportivo, a última época foi um fracasso” diz uma nota do clube, da semana passada, quando fez o balanço da sua própria atividade. “No fim desta temporada falhada, o clube teve duas descidas: a equipa principal desceu para o National 2 e a equipa de Reservas desceu para o Regional 1. Esta é uma realidade que não podemos esconder” lê-se ainda na nota de imprensa do clube, cujo Secretário-Geral é o antigo jogador Rui Pataca.

No National 2, o Créteil/Lusitanos vai defrontar o Lusitanos de Saint Maur, antigo clube de Armando Lopes, agora presidido por outro empresário português, Mapril Baptista.

Desde que o Créteil fui criado, nos anos 60, nenhum Presidente conseguiu ficar mais de 5 épocas, Armando Lopes bateu o record de longevidade, com 20 anos de Presidência e deixou o nome de “Lusitanos” associado ao clube. Por quanto tempo ainda?

“Graças a uma gestão rigorosa e a uma situação financeira sã, o clube pode olhar serenamente para o seu futuro” diz um comunicado do clube. “Armando Lopes continuará a ser um dos parceiros do USCL e o seu mais fiel apoiante”.

Mas antes de deixar a Presidência do clube, Armando Lopes quis agradecer a Laurent Cathala, o Maire de Créteil e Presidente do GPSEA “pelo seu apoio e confiança durante o mandato”. Agradeceu também a todos os membros da Direção que o acompanharam desde a primeira hora.

 

Donativos LusoJornal
X