Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Paris Saint Germain venceu por 0-2 na deslocação ao terreno do Lille, no Estádio Pierre Mauroy, com dois tentos do avançado brasileiro Neymar.

 

Quem pode parar Neymar?

O jogo que encerrou a 21ª jornada do Campeonato francês da primeira divisão, a Ligue 1, acabou por ser favorável ao Paris Saint Germain. Os Parisienses acabaram por controlar o encontro perante uma equipa do Lille que tentou fazer a diferença nos primeiros minutos da partida.

A équipa do Norte da França, que contou no onze inicial com os Portugueses José Fonte e Renato Sanches e com Xeka a entrar no decorrer da segunda parte, criou oportunidades para chegar ao golo, mas não as conseguiu concretizar.

O realismo estava do lado do PSG. Primeira oportunidade e primeiro golo aos 28 minutos com um tento apontado pela estrela da equipa, Neymar.

A partir daí, e sem serem superiores, os Parisienses controlaram definitivamente o encontro e aumentar a vantagem de grande penalidade com um segundo tento apontado por Neymar aos 52 minutos.

O Brasileiro do PSG, Neymar, já apontou 13 golos no campeonato, os mesmos que o colega de equipa, o avançado francês, Kylian Mbappé. Os dois futebolistas encontram-se a apenas um tento do melhor marcador da Ligue 1, o Francês Wissam Ben Yedder do Monaco.

Neymar, que teve um inicio de época atribulado, tem estado em destaque nos últimos jogos e tem sido decisivo, marcando pela sétima jornada consecutiva com a camisola do PSG.

Com este triunfo por 0-2, o Paris Saint Germain continua na liderança agora com 52 pontos, mais 10 do que o Marseille, isto enquanto o Lille ocupa o sétimo lugar na tabela classificativa com 31 pontos.

De notar que foi a primeira derrota em casa do Lille nesta temporada 2019/2020. Os ‘Dogues’ não perdiam em casa desde 15 de março de 2019, quando foram derrotados pelo Monaco por 0-1.

Na próxima jornada, o PSG recebe o Montpellier no Parc des Princes a 1 de fevereiro pelas 17h30, enquanto o Lille desloca-se ao terreno do Strasbourg também a 1 de fevereiro pelas 20h00.

 

Desporto
X