Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O PSG, líder da liga francesa, e o Lille, segundo classificado, abrem a 12ª jornada do Campeonato francês da primeira divisão de futebol nesta sexta-feira 2 de novembro. Este será o segundo jogo a titular do avançado português, Rafael Leão, que se estreou a titular na semana passada no triunfo do Lille por 1-0 frente ao Caen. Rafael Leão foi titular e marcou o seu primeiro golo na Ligue 1.

O LusoJornal falou com Rui Fonte e Xeka, dois colegas de equipa do avançado Rafael Leão, que abordaram a estreia como goleador do atleta de apenas 19 anos.

“Estou feliz pelo golo apontado pelo Rafael, bem como pelo bom momento do clube. Ele merece, ele tem treinado bem e tem ouvido sempre os conselhos dos mais velhos e do staff técnico. Acho que isso o ajudou bastante” disse Rui Fonte. “O jogo dele foi muito bom. Sabia o que tinha de fazer defensivamente, e na frente ele fez o futebol dele. Foi o que se passou frente ao Caen”, assegurou o avançado de 28 anos.

“O Rafa [ndr: Rafael Leão] marcou o golo, e até podíamos ter feito mais. É bom para o Rafa ter apontado esse golo e quero felicitá-lo pelo golo e pela exibição porque não é fácil” disse por seu lado Xeka. “Às vezes as pessoas pensam que somos umas máquinas, mas não somos, há muitos detalhes em torno de cada jogador que podem fazer a diferença dentro do campo. A equipa toda esteve bem”, concluiu o médio de 23 anos.

Rafael Leão, avançado português de 19 anos – que rescindiu o contrato com o Sporting CP e assinou pelo Lille – disputou os primeiros minutos com a camisola da equipa francesa frente ao Marseille (3-0) e foi titular frente ao Caen contra quem marcou o seu primeiro tento na Ligue 1.

O PSG recebe o Lille no Parque dos Príncipes nesta sexta-feira 2 de novembro. Recorde-se que o Lille conta com cinco portugueses: José Fonte, Rui Fonte, Xeka, Edgar Ié e Rafael Leão.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
9.4
X