Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Religião

 

 

Nos próximos dias 14 e 15 de maio, a associação organizadora da Peregrinação Fátima Fourvière (ACOFF) apela às Comunidades católica portuguesas do “Grand Lyon” a estarem presente neste evento Mariano.

“Estão convidadas as associações que durante o ano festejam Nossa Senhora de Fátima, a se reunirem em Fourvière onde, todos juntos, poderão apresentar os louvores e agradecimentos à Virgem Maria por todas as graças concedidas” disse ao LusoJornal Georgina Santos, membro da Comissão organizadora. “Como todos os anos, estão convidados e muitos já responderam que vão estar presentes nestes dois dias, como por exemplo Feyzin, Belleville, Neuville, Brignais, Croix Rousse, Montluel e a comunidade Cabo-verdiana. Vamos estar todos em comunhão na mesma fé Mariana”.

O Grupo coral da Comunidade – “Unidos no Canto” – já começou, no início de março, a preparar e a ensaiar os cânticos que animarão estes dois dias de peregrinação.

A organização será quase idêntica à dos anos anteriores à Pandemia.

No sábado dia 14 de maio, pelas 20h00, terá início a procissão de velas a partir da Catedral de St. Jean, animada pelos Padres Sérgio Braga e Alberto Sampaio, que culminará numa Vigília de adoração na Basílica de Fourvière.

No domingo dia 15, a celebração solene começa às 14h00, seguida da procissão com a imagem corada de N. S. de Fátima, que circulará pelas ruas adjacentes da Basílica de Fourvière.

A Comissão organizadora aconselha os peregrinos a utilizarem os transportes públicos, porque atualmente há dificuldades de estacionamento perto da Basílica de Fourvière.

 

Donativos LusoJornal

 

X