Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Ensino

 

A rede de cursos de português em França, sob a responsabilidade do Instituto Camões, vai ter mais quatro professores no ano letivo que agora começa, aumentando assim de 98 para 102 o seu número de docentes colocados neste país.

Segundo a Coordenadora do ensino português em França, Adelaide Cristóvão, a região do Norte – Lille, Tourcoing e outras localidades – contarão com um novo professor de português, que irá lecionar numa dezena de escolas do ensino primário, e as regiões de Bordeaux, Grenoble e Strasbourg vão receber igualmente mais um professor.

A rede de cursos de Português pode ser consultada no site da Coordenação do Ensino Português AQUI. Os cursos encontram-se ordenados por departamento, permitindo assim aos encarregados de educação ter a informação sobre as escolas onde as aulas irão decorrer em 2022/2023.

“As inscrições nos cursos de Português – EILE (Ensino internacional de línguas estrangeiras) são feitas pelos Diretores das escolas e transmitidas às Inspeções francesas. Qualquer escola onde tem lugar um curso EILE pode receber alunos de várias escolas dessa mesma circunscrição” explica Adelaide Cristóvão ao LusoJornal. “A grande procura de aulas de português por parte dos encarregados de educação tem levado o Instituto Camões a aumentar regularmente o número de professores. Nos últimos seis anos, a rede passou de 86 para 102 professores”.

Para além disso, segundo a Coordenado de ensino português em França, o Instituto Camões está a “desenvolver um projeto de digitalização do ensino paralelo EPE, de forma a poder dar resposta aos numerosos pedidos de aulas de português para os quais nem sempre é fácil encontrar solução, ou porque se trata de pedidos insuficientes para criar um horário completo para um professor, ou porque são pedidos muito dispersos e distantes geograficamente uns dos outros”.

 

Donativos LusoJornal
X