Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Empresas

 

O escanção franco-português Micael Morais, que conquistou uma estrela Michelin em 2019, abriu no final de junho o bar “CasAlegria” no 17º bairro de Paris, e quer mostrar os “grandes e pequenos” produtores de vinhos portugueses aos franceses.

“Estou sempre à procura de produtos com alto nível gastronómico. Aqui em França vemos muito os mesmo vinhos e eu quero trazer descobertas de grandes e pequenos produtores portugueses aos clientes da ‘CasAlegria’”, disse Micael Morais em declarações à Lusa.

Micael Morais era até agora escanção e parceiro do ‘chef’ Tomy Gousset, no restaurante “Tomy & Co”, que em 2019 foi distinguido com uma estrela Michelin, tendo já na carta de vinhos muitas referências portuguesas e incentivando o ‘chef’ francês a utilizar ingredientes portugueses nas suas receitas.

“Era um sonho que tinha há muito tempo, gostava de abrir um restaurante. Mas devido ao período que atravessamos, decidi fazer algo sozinho, um pouco diferente. Decidi destacar os vinhos e a comida portuguesa. Como era um sonho que tinha há muito tempo, o Tomy compreendeu e continua a apoiar-me. Claro que foi difícil, mas continuo a colaborar com eles”, explicou Micael Morais.

Com o projeto da “CasAlegria”, no bairro Batignolles, um dos mais afamados da capital francesa, Micael Morais quer dar a conhecer os vinhos portugueses, tendo mais de 100 referências nacionais, havendo também uma Seleção francesa. Quanto às tapas, há queijos e charcutaria portugueses de Trás-os-Montes, assim como outros petiscos. “Temos os tradicionais bolinhos de bacalhau ou rissóis, mas vou fazer, por exemplo, burrata com um vinagrete de vinho do Porto ou tremoços com picles e vinho da Madeira. São coisas tradicionais, mas às quais dei um toque gastronómico à minha maneira”, indicou.

Com vinhos do Douro, Madeira ou Alentejo, Morais quer que a “CasAlegria” se torne também um ponto de referência para conhecer melhor os vinhos portugueses em Paris, começando a partir de setembro a promover provas de vinho e jantares à volta do vinho português, esperando receber também neste espaço produtores de vinho portugueses.

Recentemente entronizado pela Confraria do Vinho do Porto, Micael Morais quer continuar a dar a conhecer em França a excelência dos produtos portugueses, apostando principalmente na qualidade. “Eu quero trazer um pouco de Portugal a Paris. Para mim é importante que haja uma certa harmonia aqui no meu espaço e também uma verdade do nosso país. Quero que os vinhos vivam aqui e quero dar a descobrir coisas diferentes da cozinha portuguesa. E, o mais importante, sempre com produtos de muita qualidade”, concluiu.

 

Donativos LusoJornal
X