Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Ministro português da Defesa João Gomes Cravinho, vai presidir amanhã, sábado, uma cerimónia de reabertura do Memorial Português no Cemitério de Boulogne-sur-Mer, em França.

Tal como o LusoJornal tem vindo a noticiar, o Memorial de homenagem aos soldados do Corpo Expedicionário Português (CEP) que participaram na I Guerra Mundial estava bastante degradado e foi recentemente completamente renovado. Nesta operação, também as lápides dos 44 soldados portugueses sepultados naquele Cemitério tiveram uma intervenção de limpeza.

“A restauração deste monumento, inaugurado em 1938, e das 44 sepulturas de combatentes portugueses, resulta da intervenção da Liga dos Combatentes, em colaboração com o Estado-Maior-General das Forças Armadas” diz uma nota divulgada esta tarde pelo Ministério da Defesa.

A cerimónia protocolar vai começar às 10h30 com uma alocução do Presidente da Liga dos Combatentes, Tenente General Chito Rodrigues, seguindo-se um discurso do Ministro João Gomes Cravinho e outro do Maire de Boulogne-sur-Mer, Frédéric Cuvillier.

Também estão confirmadas as presenças da Secretária de Estado de Recursos Humanos e Antigos Combatentes, Catarina Sarmento e Castro, e do Chefe de Estado-Maior do Exército, em representação do CEMGFA, General José Nunes da Fonseca.

Durante a tarde, o Ministro da Defesa e a respetiva comitiva vai visitar o Padrão de Ambleteuse e a Cruz Portuguesa no cemitério local. Seguem depois para o Cemitério Militar Português de Richebourg, no norte da França, onde estão sepultados 1.831 soldados do Corpo Expedicionário Português (CEP) e que também necessita de manutenção.

 

Comunidade
X