Lusa | António Cotrim

Morreu o antigo futebolista Pelé

Desporto

 

O antigo futebolista brasileiro Pelé, morreu hoje, aos 82 anos, informou o seu agente, Joe Fraga.

Edson Arantes do Nascimento nasceu a 23 de outubro de 1940 num dia de sorte, que o levou a ser um dos melhores jogadores de futebol de todos os tempos, jogando na posição de atacante. Em 2000 foi eleito Jogador do Século pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) e foi um dos dois vencedores conjuntos do prêmio Melhor Jogador do Século da FIFA.

Pelé foi o segundo maior goleador da história do futebol em jogos oficiais, marcando 765 golos em 812 jogos, e no total 1.283 golos em 1.363 jogos, incluindo os jogos amigáveis, sendo um record mundial do Guinness book.

Hoje, os montantes são incomparáveis, mas, na altura foi o atleta mais bem pago do mundo.

Pelé começou a jogar pelo Santos Futebol Clube aos 15 anos de idade e pela Seleção Brasileira de Futebol aos 16. Durante sua carreira na Seleção, ganhou três Mundiais de futebol: 1958, 1962 e 1970, sendo o único a fazê-lo como jogador. Também é o maior goleador da história da Seleção brasileira, com 77 golos em 92 jogos. Em clubes, também é o maior “artilheiro” da história do Santos.

Depois de ter terminado a sua carreira futebolística, o “rei” Pelé foi nomeado Ministro dos Desportos, em janeiro de 1995, no Governo de Fernando Henrique Cardoso.

Enquanto Ministro, propôs uma legislação para reduzir a corrupção no futebol brasileiro, que ficou conhecida como “Lei Pelé”. Deixou o cargo em 2001 depois de ser acusado de envolvimento num escândalo de corrupção que roubou 700 mil dólares da UNICEF.

Católico praticante, Pelé ofereceu uma camisola autografada ao Papa Francisco. Acompanhada de uma bola autografada por Ronaldo, está localizada no Museu do Vaticano.

Em agosto do ano passado, foi diagnosticado com um cancro do cólon e este mês de dezembro de 2022, a imprensa divulgou que o tratamento de quimioterapia não estava a resultar e foi substituído por um tratamento paliativo. Faleceu esta quinta-feira.

 

Donativos LusoJornal