Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Comunidade

 

Durante a noite de sábado para domingo, em Albi, por volta da 1 hora da manhã, um automóvel atropelou e matou Jean-Pierre Bonnet, que se dirigia da Associação albigeoise em direção ao seu veículo estacionado do lado oposto da coletividade.

A vítima que tinha deixado a sala da Associação Franco-Portuguesa de Albi, foi projetada a várias dezenas de metros e foi declarada morta pelos serviços de emergência no local.

O suposto motorista que fugiu, foi rapidamente identificado pela polícia da esquadra de Albi, responsável pela investigação. O homem foi preso durante a tarde de domingo, nomeadamente graças às imagens da vídeo-vigilância e à análise dos destroços do veículo encontrados na estrada.

A passageira que acompanhava o condutor foi libertada na segunda-feira de manhã, e uma investigação judicial foi aberta por homicídio involuntário agravado pelo delito de fuga.

As investigações continuam, em particular para determinar o consumo de drogas do suspeito no momento do acidente. Uma perícia também deve ser realizada ao veículo do suspeito para determinar as circunstâncias do impacto, assim como a velocidade em que o motorista estava a conduzir no momento do acidente.

 

Donativos LusoJornal
X